AveSui
15/06/2010 10:54 - Atualizado em 20/04/2016 14:40
Insumos

Dólar cai, commodities sobem

A queda do dólar frente a uma cesta de outras moedas permitiu ganhos nos mercados de commodities ontem (14/06). Durante boa parte do dia, eles refletiram a notícia de que a produção industrial na zona do euro cresceu de forma surpreendente em abril (9,5% ante o mesmo mês do ano passado). O índice CRB, que representa produtos de energia, metais e agrícolas, subiu 1,59% e fechou a 259,98 pontos. As principais agrícolas, entre elas café e trigo, tiveram forte valorização.

Embora os ganhos tenham sido limitados em alguns mercados, nas commodities prevaleceu o sinal de que a economia global pode não estar tão mal. Os investidores aumentaram sua exposição ao risco, vendendo dólar e aplicando mais em commodities e ações. Além disso, a fraqueza do dólar torna matérias-primas mais baratas em outras moedas.

No caso do café, investidores deixaram de apostar na queda dos preços na bolsa de Nova York, já que o momento é de oferta apertada. Os lotes para entrega em julho saltaram 4,14%, fechando a 150,95 centavos de dólar por libra-peso. Foi a quinta sessão de alta consecutiva.

Em Chicago, o trigo liderou a valorização. Previsões de que a safra do Canadá pode ser pequena animaram os Estados Unidos, pois os dois países competem na exportação. O contrato julho subiu 2,44% e fechou a US$ 4,5150 por bushel.

O Estado de S.Paulo
Deixe seu Recado
Cadastre-se e receba em seu e-mail as últimas notícias do setor gratuitamente.
Existem campos que requerem sua atenção!
Enviando...
E-mail cadastrado com sucesso!!! Você receberá nossos próximos boletins diários.
Acesse www.aviculturaindustrial.com.br/assine e faça a assinatura da revista impressa Avicultura Industrial