Revista Digital
Edições digitais de
Avicultura Industrial
Deste a edição 1200, a revista mais completa destinada à avicultura do setor apresenta sua versão digital.

Informações completas do setor avícola que podem ser visualizadas através de celulares, smartphones, tablets e computadores em qualquer parte do mundo.
E-mail:
Senha:
Esqueci minha senha

Notícias

Tamanho da FonteDiminuir FonteAumentar Fonte
 

Phibro anuncia novo diretor da Unidade de Negócios Aves e Suínos

Terça-feira, 27 de Março de 2012, 11:54:08Empresas

A unidade, que registrou significativo crescimento de 17% em 2011, deverá ter outro ano aquecido sob o comando de Paulo Teixeira, executivo com 15 anos de experiência no setor avícola e suinícola.

Formado em engenharia química, com MBA em finanças e marketing, Paulo foi diretor da Unidade de Negócios de Avicultura e Suinocultura da Pfizer/Fort Dodge nos últimos 5 anos.

Na Phibro, terá como desafio inicial o lançamento de uma nova tecnologia da empresa para o mercado avícola, bem como a manutenção da liderança da companhia nos mercados em que já atua com produtos para nutrição e saúde de aves e suínos.

“Estou animado com a nova oportunidade e o desafio de iniciar um novo negócio na Phibro, uma empresa multinacional, com expressivo crescimento no mercado e agilidade nos processos. Nossa estratégia envolve a conquista de market share considerável com esse lançamento e a integração entre os outros negócios de aves e suínos da companhia, fortalecendo a Unidade”, afirma o executivo.

Stefan Mihailov, vice-presidente da Phibro Animal Health para América Latina e diretor presidente da empresa no Brasil afirma que Paulo chega à Phibro em um momento positivo e de consolidação do plano estratégico da empresa no Brasil. Além disso, tem a seu favor os processos de internacionalização das indústrias de alimentos, que cada vez mais procuram por parceiros que ofereçam estruturas globais. “Os clientes têm na Phibro uma empresa parceira, que oferece produtos de qualidade e que comprovadamente aumentam a produtividade dos animais de produção, além de atendimento personalizado e global”, diz Stefan.

Somado a esse cenário, está o papel fundamental do agronegócio brasileiro diante das perspectivas de longo prazo de crescimento mundial da demanda por alimentos. “São fatores que indicam crescimento constante do mercado de saúde e nutrição animal nos próximos 20 anos”, completa Paulo.

Fonte:  Assessoria de Imprensa Phibro
Voltar 
Comentários