Eurotec
20-Dez-2018 10:12
Comércio Exterior

Após embargos, UE virá ao Brasil inspecionar frigoríficos em 2019

Inspeções serão realizadas em frigoríficos de carne bovina e de frango do Brasil em 2019. 

A União Europeia anunciou nesta terça-feira (18/12) que fará inspeções em frigoríficos de carne bovina e de frango do Brasil em 2019. Fábricas de processamento de pescados também serão visitadas pelas autoridades sanitárias do bloco. Ainda não há, porém, data definida para a visita, disse o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, em mensagem enviada em um grupo no aplicativo de mensagens WhatsApp.

Neste ano, os europeus impuseram embargos à carne de frango e aos pescados brasileiros. Ao todo, 20 frigoríficos brasileiros de carne de frango foram proibidos de exportar ao bloco. A BRF foi a empresa brasileira mais afetada. Todas os seus abatedouros foram vetados pelos europeus.

A restrição europeia à carne de frango foi uma resposta às descobertas da Operação Trapaça, deflagrada pela Política Federal (PF) em 5 de março. A operação investiga um esquema de fraudes nos testes de salmonela em lotes de carne de frango exportadas à UE.

 A visita dos técnicos europeus aos frigoríficos brasileiros é um requisito para que unidades proibidas sejam novamente habilitadas.

Na mesma mensagem em que ressaltou a intenção das autoridades europeias de visitar frigoríficos do país em 2019, o ministro da Agricultura comemorou a autorização da UE para a Pasta regulamente, por decreto, a atuação nos frigoríficos de auxiliares de inspeção sanitária contratados pelas próprias empresas fiscalizadas. A função já existe, mas não há previsão legal para tal. Vários países importadores questionavam os profissionais. Os europeus eram um dos mais críticos.

 “Este é o sinal que todos nós esperávamos. Depois das operações Carne Fraca e Trapaça o conceito do Brasil ficou afetado na Europa”, disse o ministro, ressaltando que a novo governo — a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) será a próxima ministra — poderá prosseguir com o processo para reabilitar os frigoríficos brasileiros e as empresas de pescados para voltarem a exportara para os europeus. 

Valor
Deixe seu Recado