Banner AI - Cobb
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
America Latina

Associação Peruana de Avicultura pede que autoridades tomem providencia sobre bloqueio de estradas

Com a greve dos caminhoneiros e protestos fechando estradas país corre risco de desabastecimento

Redação
22-Mar-2021 09:59 - Atualizado em 22/03/2021 10:26

A Associação Peruana de Avicultura (APA) divulgor nota expressando sua preocupação pelos acontecimentos que vêm ocorrendo com a tomada e o bloqueio das rodovias. “Respeitamos o direito das pessoas de protestar: no entanto, o exercício deste direito não pode violar o direito e a liberdade de outrem”, diz a associação em nota.

Segundo a associação o bloqueio impossibilita o acesso aos mercados dos produtos de primeira necessidade como frango e ovos o que vem provocando uma grave carência nos locais de compra.

“O momento é crítico e as perspectivas são desanimadoras: fazendas sem comida, animais morrendo, insumos não podem ser transportados, vacinas, pintinhos, produtos acabados, fábricas de processamento que não podem funcionar, fábricas de alimentos sem insumos de milho e soja. Os danos causados são grandes e serão ainda maiores, se não forem implementadas soluções imediatas”, detalha a APA na nota

A APA pede que as autoridades atuem sobre o assunto e dêem uma solução ao problema, ou seja, que não só atinge um importante setor produtivo, que vem se recuperando progressivamente dos danos causados pela pandemia, mas também trará impactos na economia nacional; e especialmente na população peruana com menos recursos, que terá acesso a produtos básicos e necessários para sua alimentação adequada, atendendo à segurança e ao direito à boa alimentação das famílias peruanas.

“Colocamos nosso trabalho à disposição de nossas autoridades; priorizando em todos os momentos a preocupação com o bem-estar de nossa população que está sujeita ao correto desenvolvimento de nossas atividades, que contribuem para a segurança do país”.

 

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade