Banner AI - Cobb
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Mercado

Aurora Alimentos assume quatro novas unidades em Tapejara e Ibiaçá (RS)

A Cooperativa Central Aurora Alimentos vive um momento histórico

Redação
25-Mai-2021 08:04

Após o fim das negociações com o Grupo Agrodanieli, tiveram início as atividades nos dois Frigoríficos de aves, na Fábrica de Rações e no Incubatório recém-adquiridos pela cooperativa, em Tapejara e Ibiaçá (RS). Uma das novas estruturas foi apresentada às autoridades e lideranças locais, empregados e presidentes de cooperativas filiadas, na última semana, em ato que seguiu todos os cuidados exigidos pela Vigilância Sanitária.

As duas unidades frigoríficas abatem 205 mil frangos por dia e a expectativa é que esse volume chegue a 310 mil nos próximos anos. Segundo o gerente dos frigoríficos Aurora Tapejara I e II, André Miotto, as novas plantas frigoríficas atendem aos requisitos para o mercado interno e o Frigorífico Aurora Tapejara II está apto para atender vários mercados mundiais.

“Com 455 empregados, o Frigorifico Aurora Tapejara I tem capacidade para abater 50 mil aves e já estamos trabalhando no projeto de ampliação de capacidade e extensão para o segundo turno. No Frigorifico Aurora Tapejara II, iniciamos as operações com 1.539 empregados e abrimos mais 420 vagas para elaborarmos o nosso mix de produção que é diferenciado e voltado para a exportação”.

Acompanhado pelo vice-presidente e diretor de agropecuária Marcos Antonio Zordan e pelo secretário do conselho de administração Romeu Bet, o presidente da Aurora, Neivor Canton, enfatizou que a Aurora prepara um plano de investimentos nas unidades incorporadas para execução em médio prazo. Agradeceu à família de Adelírio Danieli com quem foi realizada a negociação para a aquisição das plantas industriais e lembrou que as cooperativas têm uma característica diferenciada em relação às demais empresas de capital.

“A cooperativa reinveste onde a riqueza é gerada. O compromisso dos nossos dirigentes é fazer com que seus cooperados tenham vez e voz nas cooperativas e compartilhar os resultados. Nos sentimos orgulhosos em contribuirmos, a partir de agora, para o desenvolvimento da região e temos planos para crescer ainda mais”, salientou ao complementar que o programa de investimentos da Aurora Alimentos contempla modernização das indústrias, aperfeiçoamento de processos e melhoria contínua das condições de produção e trabalho.

O prefeito de Tapejara, Evanir Wolff, realçou que o município prioriza investimentos que possibilitam o equilíbrio entre saúde e economia. Valorizou a família Danieli pelo legado em Tapejara e desejou as boas-vindas para a Aurora Alimentos. “Temos orgulho em prestigiar esse momento histórico para Tapejara, município com 25 mil habitantes que alavanca constantemente novos investimentos, fazendo com que a cidade e o interior tenham uma renda diferenciada”, finalizou.

INVESTIMENTOS

Os ativos adquiridos pela Aurora incluem quatro unidades produtivas. Estão instalados no município de Tapejara: o Frigorífico Aurora II, localizado na comunidade de São Domingos, com capacidade para abate de 155 mil aves/dia; o Frigorífico Aurora I, situado em São Silvestre possui capacidade de abate de 50 mil aves/dia; além da Fábrica de Rações que produz mensalmente cerca de 25 mil toneladas de rações para frangos de corte e aves matrizes. Fez parte do negócio, ainda, a aquisição de uma estrutura de armazenagem de grãos com capacidade de 110.000 toneladas.

Também foi adquirido o Incubatório de Aves localizado no município de Ibiaçá (RS), com capacidade aproximada de 7 milhões de ovos/mensal.

Para suprir a demanda de produção, atuam no campo 330 famílias de empresários rurais, que atuam com a estrutura de 542 aviários espalhados por mais de 50 municípios da região. Com a transferência da estrutura de produção avícola para a Cooperativa Central Aurora Alimentos, os criadores de aves que formam a base produtiva se associarão a uma das cooperativas agropecuárias do Sistema Aurora e, assim, se tornarão produtores rurais cooperados.

Outro avanço previsto é a qualificação do Frigorífico Aurora Tapejara I para hospedar o SIF (Serviço de Inspeção Federal) e receber habilitação para o mercado externo. No momento ela opera com o SISBI (Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal). O Frigorífico Aurora Tapejara II já possui SIF.

EXPRESSÃO

Atualmente, a Aurora Alimentos abate cerca de 1 milhão de cabeças de aves por dia. Os investimentos aumentarão de imediato em 20% o processamento industrial de aves, passando para 1,2 milhão/dia. 

Fundada em abril de 1969, a Aurora é reconhecida como o terceiro maior conglomerado industrial do setor de carnes. É formada pela união de 11 cooperativas filiadas e atua na industrialização e comercialização de carnes suínas, aves, lácteos, peixes, massas, vegetais e suplementos para nutrição animal. Possui um mix com mais de 850 produtos e exporta para mais de 80 países. No ano passado obteve uma receita operacional bruta de R$ 14,6 bilhões.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade