Guia Gessulli
05-Jul-2016 09:42 - Atualizado em 05/07/2016 10:27
Exportações

Carne de frango encerra primeiro semestre com alta de 13,86%

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), os embarques de junho atingiram 411,9 mil toneladas, volume 4,1% superior ao registrado no mesmo período do ano passado.

O bom desempenho de junho contribui para que o setor encerrasse o primeiro semestre com exportações 13,86% maiores que o realizado nos seis primeiros meses de 2015.  Ao todo, neste ano, foram embarcadas 2,266 milhões de toneladas – 276 mil toneladas a mais em relação ao ano anterior.

Já em receita cambial, o saldo do semestre registrou retração de 1,24%, com total de US$ 3,384 bilhões.  Em junho, a queda foi de 3,4%, com US$ 662,3 milhões.

Em ritmo diferente, os resultados dos embarques em reais apresentaram resultados positivos, com elevação de 6,3% em junho (com R$ 2,267 bilhões) e de 21,74% no semestre (com R$ 12,444 bilhões).

“Novamente a China foi um dos grandes destaques do mês, com exportações em volume 72% superior ao registrado em junho do ano passado.  Outros países da Ásia, como Coreia do Sul e Japão, também apresentaram bom desempenho, compensando o menor ritmo das exportações para o Oriente Médio, que apresentaram pequena retração devido ao período de Ramadã”, explica o presidente-executivo da ABPA, Francisco Turra.

Carne suína in natura 

Os embarques de carne suína in natura também estão em ritmo positivo neste ano.  Conforme os números levantados pela ABPA, em junho foram exportadas 53,3 mil toneladas, volume 31,4% superior em relação ao mesmo período do ano passado.  No ano, a alta é de 55,5%, com 301,1 mil toneladas exportadas neste primeiro semestre (107,5 mil toneladas a mais em relação ao mesmo período do ano passado).

Com o bom desempenho das exportações, o resultado cambial registrou alta de 2,3% em junho na comparação com o mesmo período do ano passado, totalizando US$ 113 milhões.  No ano, a alta chega a 15%, com US$ 573,6 milhões neste primeiro semestre.

O resultado também é positivo nos números em reais.  Ao todo, foram obtidos R$ 386,9 milhões em junho (+12,6%) e R$ 2,1 bilhões no semestre (+40,9%).

“As exportações de carne suína in natura para a China superaram 12 mil toneladas em junho.  Com este número, o mercado foi o segundo maior importador do produto no mês, ultrapassando Hong Kong e se aproximando dos níveis de exportações em volume para a Rússia”, analisa o vice-presidente de mercados, Ricardo Santin.

Abpa
Deixe seu Recado