AveSui
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Mercado Interno

Carnes de frango e suína ganham espaço neste final de ano

Vendas de kits natalinos devem crescer até 3% neste ano, estima ABPA

Redação com informações de Valor Econômico
06-Dez-2021 08:59

A transferência de demanda da carne bovina para proteínas mais baratas, que tem ocorrido neste ano — como reflexo, também, do aumento dos preços dos alimentos — deve prosseguir no consumo associado às festas de fim de ano. A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) estima que as vendas de kits natalinos deverão crescer até 3% neste ano em relação a 2020.

O aumento da inflação e o alto desemprego no país pressionam o poder de compra da população, o que deve reforçar a procura por carnes de frango e suína. Fernando Iglesias, analista da Safras & Mercado, diz que o frango deve ser o principal beneficiado pela alta da carne bovina, uma vez que é a proteína com o preço mais acessível. No caso da carne suína, o último bimestre é, historicamente, o período de maior consumo dessa proteína.

“As celebrações serão de aves e suínos, e não de churrasco [de carne bovina] e bacalhau”, afirma o vice-presidente de Mercado Brasil da BRF, Sidney Manzaro. A companhia projeta que o número de reuniões familiares deverá crescer em comparação com o ano passado, já que 70% da população brasileira completou o ciclo vacinal contra a covid-19.

Rafael Palmer, diretor de marketing da Seara, acredita que as comemorações se estenderão ao longo de todo o mês. “Nossa expectativa é superar o crescimento que tivemos no Natal de 2020, de 8% em volume e 23% em faturamento”, diz ele. Já a Cooperativa Aurora projeta vendas 5% maiores do que em 2020, segundo o diretor-presidente de mercados, Leomar Somensi.

Para o presidente da ABPA, Ricardo Santin, a retomada do trabalho presencial também impulsionará o consumo nesse período, já que em bares e restaurantes é mais comum haver “sobras” no aproveitamento dos cortes. O pagamento do 13 salário, a possível aprovação do Auxílio Brasil, programa que substituiu o Bolsa Família, e a restrição de viagens internacionais devido à variante ômicron do coronavírus também são elementos importantes para o aumento do consumo no mercado interno.

De olho nas famílias que não consomem aves inteiras ou mesmo que não podem pagar pelos tradicionais superfrangos natalinos, as empresas expandiram seus portfólios de pratos prontos. “Estamos preparados para essas ocasiões de consumo”, afirma Sidney Manzaro, da BRF. Já Leomar Somensi, da Aurora, diz que a crise econômica fez com que o consumidor valorizasse os produtos de qualidade para não “errar e ter que desembolsar outra vez”.

O mercado brasileiro atingiu um novo patamar de preços e custos, que deve se manter, avalia Santin. Para o presidente da ABPA, o cenário para o primeiro semestre de 2022 é de cotações dos grãos estáveis ou até um pouco abaixo — mas não muito — durante a colheita de uma safra que provavelmente será farta. Iglesias concorda que a perspectiva é de oferta suficiente, mas reforça que o “mercado climático” ainda exige atenção.

Assuntos do Momento

Disponible en español Disponible en español
BRF e fundo soberano saudita investirão US$ 350 milhões na cadeia de produção de frangos da Arábia Saudita
14 de Janeiro de 2022
Investimentos

BRF e fundo soberano saudita investirão US$ 350 milhões na cadeia de produção de frangos da Arábia Saudita

Negócio atuará em toda a cadeia de produção de frangos na Arábia Saudita e promoverá venda de produtos

Menor demanda pressiona cotações da carne de frango
14 de Janeiro de 2022
Mercado interno

Menor demanda pressiona cotações da carne de frango

No front externo, a desvalorização do Real frente ao dólar e o forte incremento no volume exportado garantiram receita recorde com os embarques de carne de frango em dezembro. 

Com investimentos em alta no Oeste Paranaense, empresas expõem tecnologias em construção de galpões na AveSui
17 de Janeiro de 2022
AveSui América Latina

Com investimentos em alta no Oeste Paranaense, empresas expõem tecnologias em construção de galpões na AveSui

A região é considerada o maior agro cluster da América Latina e vem recebendo fortes investimentos de cooperativas, agroindústrias e empresas ligadas à cadeia produtiva de proteína animal

Disponible en español Disponible en español
Carne cultivada in vitro é servida em restaurante de Singapura
13 de Janeiro de 2022
Proteína cultivada

Carne cultivada in vitro é servida em restaurante de Singapura

A estimativa é que, em 2040, cerca de um terço da carne consumida no mundo seja produzida do cultivo celular

18 de Janeiro de 2022
Uruguai

Quase quinhentas mil aves foram mortas pelo calor no Uruguai

Onda de calor provocou mortandade em aviários com perdas que equivalem de 10% a 20% da produção nacional do Uruguai na avicultura

Preço dos ovos aumenta na segunda semana do mês
17 de Janeiro de 2022
Ovos

Preço dos ovos aumenta na segunda semana do mês

 Segundo pesquisadores do Cepea, a recente sustentação aos valores veio da oferta mais controlada, sobretudo de ovos maiores.

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade