AveSui
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Reconhecimento

Castrolanda ganha posições em rankings das maiores empresas do país

Na 21ª edição do ‘Valor 1000’, a cooperativa aparece na posição número 186. Já no Anuário Época Negócios 360º, ocupa o 226º lugar.

Redação
04-Out-2021 15:22

A Cooperativa Castrolanda figura por mais um ano entre as maiores empresas do país, segundo dois levantamentos de renome divulgados nos últimos dias. Na 21ª edição do ‘Valor 1000’, a cooperativa aparece na posição número 186. Já no Anuário Época Negócios 360º, ocupa o 226º lugar.

Trazendo um levantamento nacional das melhores empresas em 26 setores e apresentando um ranking com as 1.000 melhores companhias do Brasil, o Anuário Valor 1000 ainda aponta a Castrolanda como a 33ª maior empresa do Sul do país e a 13ª brasileira no ramo do Agronegócio.

A cooperativa, que entrou no ranking com uma receita líquida de R$ 4,3 bilhões conquistada em 2020, subiu 26 posições em relação ao levantamento do ano passado, quando aparecia em 212º no ranking. O resultado é o reflexo de investimentos e posicionamentos estratégicos da Castrolanda ao longo do período, que se mostraram positivos em todos os oito critérios de avaliação contábil e financeira explorados pelo anuário.

Já no levantamento Época Negócios 360º, a cooperativa foi avaliada não só pelo desempenho financeiro, mas também pelas práticas e processos internos. No ranking da região Sul, a Castrolanda aparece na 36ª posição – mas ganha ainda destaque em dimensões isoladas: 22ª em Desempenho Financeiro, 9ª em Governança Corporativa, 19ª em Inovação, 30ª em Visão de Futuro, 12ª em Gestão de Pessoas e 19ª em Sustentabilidade. Em todo o país foram 418 empresas avaliadas.

Os rankings

O levantamento do Valor 1000 é feito em parceria com a Serasa Experian e o Centro de Estudos em Finanças da Escola de Administração de Empresas de São Paulo, da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EAE). Desta vez, foram analisados 1.102 balanços ante a 1.139 em 2019.

Já o Anuário Época Negócios 360º é realizado com a apoio da Fundação Dom Cabral, que mantém núcleos de pesquisa para antecipar tendências e rumos em diversas áreas da gestão, como Estratégia e Negócios Internacionais; Sustentabilidade; Desenvolvimento de Pessoas e Liderança; Logística, Supply Chain e Infraestrutura; e Inovação e Empreendedorismo.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade