Guia Gessulli
14-Out-2016 10:01
Ocepar

Cooperativas convidam árabes para conhecer produção de carne de frango

,
Ocepar organizou reunião entre os diplomatas e os empresários locais nesta quinta-feira
Os paranaenses já são grandes fornecedores de carne de frango para o mercado árabe, mas querem ampliar essa exportação. Eles manifestaram o desejo aos embaixadores árabes que estão em missão ao estado, em encontro na sede da Associação Comercial do Paraná (ACP), no centro de Curitiba. A entidade organizou reunião entre os diplomatas e os empresários locais nesta quinta-feira (13/10) à tarde.

No encontro, a Organização das Cooperativas do Paraná (OCP) propôs a realização de uma missão dos países árabes para conhecer as suas cooperativas produtoras de frango nos primeiros meses do próximo ano, seguida de uma viagem da OCP para esses mesmos mercados. A OCP é formada por 295 cooperativas agropecuárias paranaenses, entre as quais há sete unidades de abates de frango. Como elas vêm ampliando a capacidade, a organização quer ampliar as exportações aos árabes, de acordo com informações do superintendente Robson Mafioletti à ANBA.

O estado do Paraná abate 4,5 milhões de frangos por dia, dos quais 2 milhões ficam por conta de cooperativas que fazem parte da Ocepar. Mafioletti relata que essas cooperativas realizam o abate halal, que segue as regras muçulmanas, e com estes produtos atendem o mercado árabe. Cooperados da Ocepar também vendem aos árabes outros produtos como açúcar e café. Mafioletti fez a proposta aos embaixadores e depois conversou com o decano do Conselho dos Embaixadores Árabes no Brasil, o embaixador da Palestina, Ibrahim Alzeben, para levar adiante a ideia.

No encontro com os diplomatas na ACP estava presente uma empresa produtora de carne de frango, a Aurora Alimentos. O objetivo da participação foi verificar mais oportunidades de negócios, segundo o coordenador de Logística da empresa, Flávio Werner, presente na reunião. Segundo ele, o Oriente Médio é o terceiro maior mercado da companhia e compra cerca de 150 contêineres por mês da Aurora em carne de frango e seus produtos. A empresa tem uma unidade no Paraná, uma em Mato Grosso do Sul e 13 em Santa Catarina, onde mantém a sede.

A reunião foi uma oportunidade para os empresários locais conhecerem melhor as peculiaridades do mercado árabe, sobre as quais falou o diretor-geral da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, Michel Alaby. O diretor citou fatores importantes para negociar com os árabes, como a paciência para que a venda aconteça, mostrou os principais produtos que atualmente compõe o comércio do Brasil com a região e deu um panorama sobre as rotas marítimas para a exportação e importação.

O presidente interino da ACP, Glaucio Geara, afirmou que o Paraná tem muito a oferecer, tendo em vista sua relevância nacional na produção de soja, milho, trigo e outros grãos, e na produção de alimentos de origem animal. “Temos em nossa estrutura agroindustrial os mais modernos frigoríficos de abate do País, tradicionais fornecedores de carne avícola para o mercado árabe”, afirmou, citando também as cooperativas locais como importantes fornecedoras para o mundo árabe.

Anba / Isaura Daniel
Deixe seu Recado