AveSui EuroTier South America Full
14-Dez-2018 09:50 - Atualizado em 14/12/2018 12:32
TVGessulli

DESTAQUES DA SEMANA: Aumento das produções no terceiro trimestre

Confira o que foi destaque nesta semana

 

Na avicultura as exportações iniciaram o mês com 102,4 mil toneladas embarcadas na primeira semana, com média diária de 20,6 mil toneladas. Um crescimento de  38% comparado a novembro e de 39%  comparada ao mesmo período em 2017

Outro dado positivo é que a produção de ovos alcançou um novo recorde no terceiro trimestre. Segundo dados divulgados pelo IBGE, foram produzidos 919,47 milhões de dúzias, 4,9% a mais do que no segundo trimestre e 9% maior que o mesmo período do ano passado.

O abate de frangos também apresentou crescimento na comparação com o segundo trimestre (3,6%), mas teve queda de 3,8% em relação ao terceiro trimestre do ano passado.

Na suinocultura as exportações na primeira semana de dezembro somaram 12,4 mil toneladas embarcadas a média diária ficou em 2,5 mil toneladas, 2,7% menor que a primeira semana de novembro e 13% maior que a média do mesmo período em 2017.

Outra boa notícia o abate de suínos no brasil cresceu 6,8% do segundo para o terceiro trimestre deste ano. Foram abatidos 11,56 milhões de animais no terceiro trimestre do ano, um patamar recorde na série histórica iniciada em 1997. O volume também é 4,7% maior em relação ao mesmo período do ano passado.

No mercado de grãos, as reações do dólar, refletiram em maior movimentação para exportação nas últimas semanas, e menor intenção do lado vendedor dão sustentação às cotações do milho, mas sem muito espaço para fortes altas, pelo menos em curto prazo. Em relação à média do mês anterior os preços subiram 1,9% e o cereal está custando 17,6% mais na comparação com dezembro do ano passado.

Já a soja, com a trégua comercial entre os estados unidos e a china, a demanda externa pelo produto nacional pode diminuir, porque o país asiático pode voltar a importar maiores volumes dos americanos. Essa possibilidade de redução mais acentuada das vendas externas preocupa o produtor brasileiro, que está prestes a colher uma safra volumosa. Já compradores domésticos se retraíram nas aquisições de novos lotes, à espera de preços menores no primeiro trimestre do próximo ano.

A Conab divulgou nesta semana o 3º levantamento da safra de grãos aponta que o país deverá colher 238,4 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 10,6 milhões de t em relação à safra passada, ou 4,6% em termos percentuais. Você confere o relatório na íntegra em nosso site.

E também foi anunciado nesta semana o novo ministro do meio ambiente. A pasta será ocupada pelo advogado e administrador Ricardo de Aquino Salles. Salles foi secretario de meio ambiente de são paulo entre os anos de 2016 ne 2017. 

E o Mapa lançou uma cartilha de boas práticas na gestação de suínos e você pode baixar em nosso site.

Redação AI/SI
Deixe seu Recado