AveSui 2020
12-Mai-2020 10:28
Agroindustria

Efeito positivo da peste suína na China para a BRF está longe do fim, diz CEO

No primeiro trimestre, período que teve os resultados divulgados ontem pela BRF, a companhia brasileira aumentou as vendas para a China em quase 90%
 

O CEO global da BRF, Lorival Luz, reafirmou hoje que o impacto da peste suína africana na China, que reduziu drasticamente o plantel do país asiático, continua. Nesse cenário, os efeitos positivos sobre as exportações da empresa devem se prolongar.

“Estamos distantes de um fim de ciclo”, disse o executivo, em teleconferência com analistas. No primeiro trimestre, período que teve os resultados divulgados ontem pela BRF, a companhia brasileira aumentou as vendas para a China em quase 90%.

De acordo com o vice-presidente responsável pela área internacional da BRF, Patricio Rohner, a demanda da China está ainda melhor do que as expectativas iniciais, que já eram positivas dada a grande necessidade do país para suprir a escassez de carne.

Durante a teleconferência, Rohner lembrou que havia alguma dúvida sobre o impacto da abertura da China à carne de frango, o que poderia afetar a competitividade do frango brasileiro. No entanto, a covid-19 afetou a produção de carnes nos EUA (com diversos frigoríficos do país fechados), o que limitou o impacto da concorrência americana.

Valor investe
Deixe seu Recado