Banner AI - Cobb
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Exportação

Embarques de carne de frango crescem em volume e receita, enquanto os de carne suína ficam abaixo do reportado em fevereiro de 2020

A exportação de carne de aves e suas miudezas avançou 8,29% em receita; os embarques de carne suína totalizaram 18,71% menos em relação a fevereiro do ano passado

Isto É
02-Mar-2021 08:54

As exportações de carnes começam a se recuperar após a retração vista no mês de janeiro. Os embarques de carne bovina e de frango subiram em volume e em receita em fevereiro ante fevereiro de 2020, enquanto os de carne suína continuaram abaixo do reportado em igual período do ano passado. Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério da Economia, foram divulgados nesta segunda-feira e consideram 18 dias úteis.

Os embarques de carne bovina fresca, refrigerada ou congelada somaram 110,579 mil toneladas no segundo mês de 2021, alta de 8,27% ante as 102,126 mil toneladas exportadas em igual mês do ano anterior. Em receita, o aumento foi de 5,62%, passando de US$ 463,586 milhões um ano antes para US$ 489,658 milhões no mês passado.

A exportação de carne de aves e suas miudezas avançou 8,29% em receita e 1,15% em volume. Foram embarcados 327,569 mil toneladas em fevereiro, ante 323,838 mil toneladas em igual mês de 2020. Já a receita foi de US$ 512,061 milhões, ante US$ 472,860 milhões em fevereiro do ano anterior.

Por fim, os embarques de carne suína fresca, refrigerada e congelada totalizaram 58,122 mil toneladas, 18,71% menos em relação às 71,501 mil toneladas de fevereiro do ano passado. Em faturamento o resultado foi 17,36% menor, de US$ 143,279 milhões, contra US$ 173,392 milhões.

Assuntos do Momento

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade