Guia Gessulli
27-Mar-2019 10:08
Saúde animal

Estudo genético vai investigar como a influenza aviária pula espécies

Os pulos para novas espécies são relativamente raros porque o vírus tem que se adaptar a essas outras espécies

Um novo estudo terá como objetivo identificar os genes que são importantes na redução da infecção pelo vírus Influenza A em aves e suínos, e aqueles que limitam a propagação do vírus para as pessoas.

Os pulos para novas espécies são relativamente raros porque o vírus tem que se adaptar às novas espécies e porque um "braço" específico do sistema imunológico - chamado de resposta do interferon do hospedeiro - representa uma barreira significativa para o vírus se espalhar de animais para pessoas.

O estudo investigará quais genes são importantes para inibir a replicação do vírus da Influenza A em porcos e galinhas e quais genes da resposta do interferon do hospedeiro limitam a disseminação do vírus de animais para pessoas.

A pesquisa, que receberá mais de 750.000 libras esterlinas, do Conselho de Pesquisa em Biotecnologia e Ciências Biológicas do governo do Reino Unido, espera melhorar a compreensão sobre como combater as cepas de gripe.

O pesquisador Finn Grey, do Instituto Roslin, vai liderar a pesquisa. “A pesquisa de infecções por influenza em animais é criticamente importante, tanto em termos de carga econômica quanto em potencial para surtos humanos pandêmicos”, disse.

“Esta pesquisa, juntamente com o recente desenvolvimento de bibliotecas CRISPR genômicas para espécies de animais, coloca o Instituto Roslin na vanguarda de abordagens sistemáticas de ponta em espécies pecuárias”, acrescentou o pesquisador.

O trabalho será conduzido em colaboração com os cientistas da Roslin, o professor Paul Digard, o Dr. Kenneth Baillie e a Dra. Jacqueline Smith, bem como o Dr. Sam Wilson, do Center for Virus Research da Universidade de Glasgow.

PoultryWorld / com tradução da Redação AI
Deixe seu Recado