Guia Gessulli
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
COP-24

Grupo com membros do agronegócio pede que Brasil fique no Acordo de Paris

Grupo é formado por mais de 180 membros, com representantes do agronegócio, das organizações de proteção ambiental e da academia.

Uol
14-Dez-2018 11:42

Em meio à discussão das políticas ambientais do país e da nomeação de Ricardo Salles como novo titular da pasta de Meio Ambiente, a Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura publicou uma nota nesta quinta (13) defendendo a permanência do Brasil no Acordo de Paris. "O país tem muito a ganhar com sua permanência no Acordo de Paris, principal compromisso internacional sobre as mudanças climáticas", diz o texto.

O grupo é formado por mais de 180 membros, com representantes do agronegócio, das organizações de proteção ambiental e da academia. Segundo a nota, o acordo ambiental firmado em Paris, em 2015, "representa uma agenda de muitas oportunidades" tanto para os que pregam a defesa das áreas protegidas quanto para os empresários do agronegócio.-

"Para os produtores rurais, o compromisso é visto como importante incentivo à criação de mecanismos que possam compensar produtores com excedentes de áreas preservadas em suas terras, como forma de remunerar o serviço ambiental prestado por essas áreas. Para as florestas e a agricultura, o Acordo representa uma indicação clara rumo a uma economia de baixo carbono", diz a nota.

A publicação do texto acontece durante o penúltimo dia da COP-24 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas), que está sendo realizada em Katowice, na Polônia. O Brasil, que seria a sede do encontro no próximo ano, retirou sua candidatura por conta de um pedido do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Na conferência deste ano, as recentes declarações de Bolsonaro cogitando a saída do Acordo de Paris foram discutidas. Em discurso proferido no evento, o atual ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, ressaltou os avanços do Brasil nos compromissos assumidos para reduzir o aquecimento global.

O secretário executivo do Fórum Brasileiro de Mudança do Clima - órgão que também acompanhou a conferência na Polônia, defendeu a permanência do país no tratado e falou sobre a liderança do Brasil nas discussões sobre mudanças climáticas.

"Foi na Rio 92 onde tudo começou. O Brasil foi importantíssimo no protocolo de Kioto, na reunião de Copenhagem e também teve um papel muito importante na articulação do Acordo de Paris", disse Alfredo Helio Syrkis à RFI.

Numa transmissão em seu Facebook na última quarta-feira (12), o presidente eleito voltou a comentar sobre o Acordo de Paris. "Eu e meu ministro [Ricardo Salles] vamos sugerir mudanças no acordo. Se não mudar, a gente sai fora. Por que o Brasil tem que dar de politicamente correto e permanecer em um acordo que é possivelmente danoso à nossa soberania?", disse Bolsonaro.

"Entre as exigências do Acordo de Paris se exige que o Brasil faça o reflorestamento de uma área enorme, algumas vezes no tamanho da área do Rio de Janeiro. Não temos como cumprir essa exigência. Se assina, porque é bonito, até porque isso é para ser cumprido em 2030, então quem for o presidente da República em 2030 que se vire", afirmou o presidente eleito.

Assuntos do Momento

20 de Setembro de 2021
Análise de Mercado

Preço do quilo frango vivo tem cenários diferentes nas principais praças

Segunda quinzena de setembro fechou sua primeira semana com contrastes no preço do frango vivo; em Santa Catarina ocorreu uma forte queda; já no Paraná, ligeira alta e nas demais praças houve estabilidade.

14 municípios do PR superam R$ 1 bilhão em Valor Bruto da Produção Agropecuária
23 de Setembro de 2021
Produção

14 municípios do PR superam R$ 1 bilhão em Valor Bruto da Produção Agropecuária

Produção no campo paranaense foi de R$ 128,273 bilhões, estabelecendo mais um recorde, com crescimento real de 21% em relação a 2019

Custos de produção de frangos de corte e de suínos ficam mais caros em agosto
21 de Setembro de 2021
Embrapa

Custos de produção de frangos de corte e de suínos ficam mais caros em agosto

Tanto o ICPFrango quanto o ICPSuíno voltaram a ficar acima da barreira dos 400 pontos, chegando aos 407,53 e 407,15 pontos, respectivamente

Preços do milho seguem tendências distintas entre regiões, mas recuos prevalecem
20 de Setembro de 2021
Insumos

Preços do milho seguem tendências distintas entre regiões, mas recuos prevalecem

De acordo com colaboradores do Cepea, a liquidez segue baixa, com muitos compradores ausentes do mercado – esses agentes sinalizam ter estoques, pelo menos para curto prazo, e estão à espera de novas desvalorizações

Suspensão PIS e COFINS para Importação de Milho
23 de Setembro de 2021
Posicionamento

Suspensão PIS e COFINS para Importação de Milho

A operação beneficia a toda a cadeia produtiva da avicultura e da suinocultura

Isolamento de Salmonella spp. de origem avícola
22 de Setembro de 2021
Análise Laboratoriais

Isolamento de Salmonella spp. de origem avícola

Galinhas infectadas com muitos dos sorovares de Salmonella podem albergar o agente sem apresentarem sinais clínicos, o que torna o isolamento desta bactéria um fundamento básico na prevenção da enfermidade, principalmente em seres humanos

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade