Guia Gessulli
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Inteligência Artificial

Inteligência Artificial como ferramenta de boas informações para os produtores tomarem as melhores decisões

Em entrevista ontem (15/06) no canal TV Gessulli, a Diretora-executiva Latam da MTech Systems, Mariane Acordi conversa sobre a Inteligência Artificial em processos de planejamento na avicultura

Redação AI
16-Jun-2021 08:25 - Atualizado em 13/07/2021 15:18

Em transmissão ao vivo na TV Gessulli no Youtube, Mariane Acordi destacou a importância na análise dos dados coletados pela tecnologia com uso da Inteligência Artificial para auxiliar os produtores no processo, trazendo padrões para prever, propor soluções e melhorias nas granjas.

Otimizando a cadeia avícola nas diversas fases da produção, a Inteligência Artificial pode ajudar na criação de algoritmos em cada fase (desde as matrizes até chegar ao final da cadeia com o frango de corte). Assim como o cérebro humano, toda vez que um novo desafio ou uma nova experiência acontece ou é vivenciada, as redes artificiais da tecnologia aprendem e elaboram novas conexões e comparações, com o objetivo de se adaptar ao novo contexto do ambiente.

“Quando você olha a nível de planejamento de matrizes. Se a gente não consegue preditar quantos pintinhos a gente vai ter disponíveis para depois fazer o alojamento do frango de corte, a gente vai ter um desfalque na cadeia”, comenta a Diretora-executiva Latam da MTech Systems.

Mariane também nos mostra que conseguir preditar situações faz com que se tenha um melhor planejamento de toda a cadeia produtiva. Para ter uma predição mais assertiva e precisa, a coleta de bons dados se torna um importante momento e a automatização traz diversos benefícios para o produtor, como aumento da frequência de coleta e redução de erro humano.

“Aliado à coleta de dados, a gente também está vendo um movimento muito grande de estar armazenando esses dados em nuvem, fazendo com que seja muito simples a entrada e muito mais preciso esse dado para que a gente consiga montar os famoso big data, que nada mais é do que um grande armazenamento de dados normalizados, limpos, puros que a gente consiga analisar. A tecnologia está voltando para simplificação, pra um modelo onde qualquer um pode operar.”

Sobre novas tecnologias que devem ganhar espaço na produção avícola, além da Inteligência Artificial, Mariane comentou que está vendo o setor em amadurecimento da solução como um todo, em uma grande curva de inovação. 

As ferramentas tecnológicas simulam e sugerem as predições do lote, mas quem toma a decisão é o operador. Quem toma a decisão do que fazer é realmente o produtor. A IA dá as informações para que as pessoas tomem as melhores decisões e permite que o profissional aplique seus conhecimentos com base nos dados coletados e analisados.

Confira a transmissão completa no canal TV Gessulli no Youtube ou em nosso canal de Podcasts no Spotify

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade