13-Jun-2017 09:21
Agroindústria

JBS evita perda de R$ 116,8 milhões com venda de ações em meio à delação

Levantamento feito pelo Globo no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que regula o mercado de capitais, mostra que os controladores da JBS venderam R$ 483,8 milhões em ações da empresa nos meses de abril e maio, evitando perdas milionárias. Desde que a delação dos irmãos Batista — donos da empresa — foi divulgada em 17 de maio, os papéis desabaram. Na última sexta-feira, fecharam em R$ 7,28 na B3 (antiga Bovespa), uma desvalorização de 23,37% no período. Na sexta-feira, o mesmo volume de ações vendido pelos donos da JBS valeria R$ 367 milhões. Logo, os donos da empresa evitaram uma perda patrimonial de R$ 116,8 milhões em dois meses.

Os controladores da JBS são a FB Participações e o Banco Original, que pertencem à família Batista. Juntos, eles têm 42,5% do capital votante da companhia. O grosso dessa fatia é da FB Participações. Segundo o Banco Original, desde 2015, ele tem apenas 0,2% das ações ordinárias (com voto) da empresa e não fez qualquer compra ou venda de papéis desde então. A JBS reiterou que todas as “operações de compra e venda de ações e títulos realizadas pela J&F, suas subsidiárias e seus controladores seguem as leis que regulamentam tais transações”.

 

 

O Globo
Deixe seu Recado