Banner AI - Cobb
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Insumos

Moagem de ingredientes

A correta moagem permite obter bons índices de homogeneidade na mistura dos ingredientes. E, na continuidade das operações realizadas nas fábricas de rações após a mistura, uma perfeita peletização é um importante fator de melhoria de desempenho na avicultura de corte

Redação AI/SI
15-Mar-2021 09:49 - Atualizado em 15/03/2021 10:09

A moagem dos ingredientes é uma das várias etapas importantes no processo de fabricação de rações. Esta operação é analisada primeiramente sob o ponto de vista da sua integração no conjunto sequencial de atividades tecnicamente ajustadas para fabricar economicamente rações balanceadas de qualidade.

A correta moagem permite, na sequência, obter bons índices de homogeneidade na mistura dos ingredientes. E, na continuidade das operações realizadas nas fábricas de rações após a mistura, uma perfeita peletização é um importante fator de melhoria de desempenho na avicultura de corte. A formação do pellet sofre efeito direto da proporção relativa, granulometria e características dos (macro e micro) ingredientes da ração, além da operação e regulagem do maquinário que integra o sistema.

Os diferentes grãos de cereais por apresentarem diversos graus de resistência à quebra e por apresentarem distintas estruturas de armazenamento dos carboidratos têm distribuição granulométrica peculiar quando submetidos a um processo de moagem ajustado e padronizado com a tradicional e convencional moagem do milho. Os processamentos de moagem aplicados aos grãos de leguminosas ou oleaginosas visando uma granulometria adequada para proporcionar a plena digestão dos componentes proteicos podem ser diferentes daqueles adequados para o processamento das fontes de carboidratos (cereais).

Por exemplo, um manejo de moagem/processamento diferenciado é necessário para obter o integral aproveitamento do óleo dos grãos das oleaginosas. Porém, diferenças anatômicas no trato digestivo de aves de produção e suínos devem ser consideradas quando se planeja produzir rações balanceadas para cada uma dessas categorias de animais. E isto determina o manejo ajustado da moagem dos ingredientes e a forma física das rações envolvendo uma grande complexidade no planejamento das fábricas de rações para alinhar as operações na ênfase da economia de tempo e de energia.

Dentro de uma fábrica de ração com múltiplos produtos, linhas de produção dedicadas e exclusivas para produção de rações para frangos de corte e suínos permitem enorme economia de recursos. A amplitude da granulometria dos ingredientes cereais em uma fábrica de rações que produz para múltiplas espécies pode variar aumentando com gradiente desde 200 micra nas rações destinadas à aquicultura, aumentando acima de 520 micra nas rações de suínos, acima de 600 micra nas rações de frangos de corte, aumentando acima de 1.000 micra em rações de poedeiras e perus e alcançando em alguns casos 1.600 micra para ruminantes. 

MOAGEM DE INGREDIENTES, A MISTURA E A FORMA FÍSICA DA RAÇÃO PARA A AVICULTURA DE CORTE

Em função da importância da avicultura comercial no mundo e do custo da alimentação nos sistemas de produção, este é um assunto que tem motivado pesquisas há mais de 50 anos com uma enormidade de abordagens na procura por procedimentos que aumentem o aproveitamento nutricional das rações pelas aves.

Neste período, foram estabelecidos os procedimentos técnicos padronizados que são necessários para avaliar granulometria, uniformidade de mistura e qualidade de pellet. Porém, poucos relatos científicos apresentam uma convergência entre os aspectos técnicos da produção de rações (a engenharia de produção) com o efeito dos diferentes processamentos aplicados sobre os diversos ingredientes no desempenho animal em condições reais de produção.

Um exemplo clássico é a necessidade de avaliar qualidade de pellet a campo. As condições de produção de frangos de corte evoluíram para sistemas automatizados de alimentação e, em galpões com mais de 100 metros de comprimento, é necessário avaliar a integridade dos pellets ao longo do sistema de alimentação. E, também, simultaneamente avaliar a real composição nutricional da ração que o frango de corte efetivamente ingere naquela posição dentro do galpão onde a ave se encontra.

Monitorias e controles que são fáceis de executar com equipamentos portáteis (tipo NIRs) e com possibilidade de transmissão eletrônica de dados a serem armazenados em base de dados adequadamente submetidos à análise estatística. Devido ao comportamento de pouco deslocamento dentro do galpão, em cada posição onde o animal se encontra é necessário que o pellet ingerido tenha composição nutricional uniforme e constante, seja no início ou no final da linha de alimentação.

Quando ocorre desajuste no sistema de alimentação, a integridade do pellet necessita de melhoras, sendo muito provável que a conversão alimentar no galpão não é a que se espera. Dessa forma, pellets de melhor qualidade podem garantir adequado desempenho animal ao longo do sistema de alimentação e, com esta garantia, a formulação de ração pode abrir mão de alguma fração dos coeficientes de segurança normalmente adotados para garantir elevado desempenho. 

Continue lendo gratuitamente na revista digital...

,
Estudos Embrapa AI1303

Assuntos do Momento

Brasil recebe autorização da Anvisa e poderá produzir até 400 milhões de vacinas em 90 dias
22 de Abril de 2021
Saúde

Brasil recebe autorização da Anvisa e poderá produzir até 400 milhões de vacinas em 90 dias

O próximo passo é buscar a transferência de tecnologia para dar início à produção dos imunizantes

16 de Abril de 2021
Cooperativa

Em entrevista, CEO da BRF diz que será preciso criar carne a partir de células de animais

Lorival Luz, CEO global da BRF, deu entrevista para UOL sobre tendências e perspectivas da marca

São Salvador Alimentos passa a fabricar produtos industrializados de frango com projeto Marel
20 de Abril de 2021
Mercado

São Salvador Alimentos passa a fabricar produtos industrializados de frango com projeto Marel

O projeto atenderá duas linhas de produção: os embutidos e empanados

BRF consolida a inovação como pilar de transformação e desenvolvimento sustentável
20 de Abril de 2021
Mercado

BRF consolida a inovação como pilar de transformação e desenvolvimento sustentável

Companhia dobrou investimentos em Inovação e P&D nos últimos dois anos e a intenção é aumentar ainda mais em 2021

A diferença entre os preços de ovos brancos e vermelhos é recorde
19 de Abril de 2021
Cotação

A diferença entre os preços de ovos brancos e vermelhos é recorde

Os valores dos dois tipos de ovos estão em alta, impulsionados pelas vendas aquecidas

Evonik faz investimento complementar na In Ovo em apoio ao lançamento da máquina para teste de  sexagem em ovos
20 de Abril de 2021
Mercado

Evonik faz investimento complementar na In Ovo em apoio ao lançamento da máquina para teste de sexagem em ovos

Startup atinge o estágio de comercialização de sua tecnologia. Determinação rápida e confiável da sexagem de embriões dentro do ovo agora é possível em escala. Tecnologia permite aos produtores de ovos evitar o descarte de pintos machos, procedimento que será proibido na Alemanha a partir de 2022

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade