Guia Gessulli
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Instrução

ONGs querem cláusula de bem-estar animal em regras sobre operação de granjas

Ministério da Agricultura está preparando instrução que definirá parâmetros para a produção de frango e ovos

Valor
17-Mar-2021 14:10

O Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal e as organizações Animal Equality, Mercy for Animals, Sinergia Animal e World Animal Protection pediram a inclusão de uma cláusula de garantia de bem-estar animal na Instrução Normativa que o Ministério da Agricultura está preparando para estabelecer os parâmetros de funcionamento de granjas e unidades de funcionamento de granjas e unidades de beneficiamento de ovos.

A minuta da Instrução Normativa que foi submetida a consulta pública não trata do assunto. O documento depende agora da publicação pela Pasta.

Em carta aberta, as entidades defenderam que “é de suma importância que requisitos mínimos relativos às rotinas e práticas de manejo sejam também estabelecidos, visando à segurança das aves e à possibilidade de elas manifestarem comportamentos naturais da espécie, diminuindo o estresse e, com cuidadosa manipulação, evitando abusos e maus-tratos que são crimes previstos em lei federal”.

As organizações argumentam que as instalações e os equipamentos utilizados no confinamento de animais “têm efeito direto sobre a saúde e o desempenho dos animais”.

Segundo as organizações, a definição de regras de bem-estar animal nas instalações “tem se tornado uma prioridade em todo o mundo”, e em países da União Europeia e na Nova Zelândia, além de vários Estados dos EUA, já foi proibida a criação convencional com o uso de gaiolas.

Entre o setor privado, alguns grupos já se comprometaram a deixar de comprar ovos de galinhas criadas em gaiolas, como GPA, Carrefour e Grupo BIG.

De acordo com a Fórum Animal, no Brasil, cerca de 150 milhões de galinhas são criadas para a produção de ovos e mais de 90% delas passam a vida confinadas em gaiolas em péssimas condições.

As organizações também veem problemas que não se restringem ao uso de gaiolas. Um deles é o da trituração de pintinhos com poucas horas de vida. Além disso, em alguns casos de má administração, os animais ficam estressados e começam a se bicar, o que pode provocar lesões e até mortes.

 

Assuntos do Momento

Brasil recebe autorização da Anvisa e poderá produzir até 400 milhões de vacinas em 90 dias
22 de Abril de 2021
Saúde

Brasil recebe autorização da Anvisa e poderá produzir até 400 milhões de vacinas em 90 dias

O próximo passo é buscar a transferência de tecnologia para dar início à produção dos imunizantes

16 de Abril de 2021
Cooperativa

Em entrevista, CEO da BRF diz que será preciso criar carne a partir de células de animais

Lorival Luz, CEO global da BRF, deu entrevista para UOL sobre tendências e perspectivas da marca

São Salvador Alimentos passa a fabricar produtos industrializados de frango com projeto Marel
20 de Abril de 2021
Mercado

São Salvador Alimentos passa a fabricar produtos industrializados de frango com projeto Marel

O projeto atenderá duas linhas de produção: os embutidos e empanados

BRF consolida a inovação como pilar de transformação e desenvolvimento sustentável
20 de Abril de 2021
Mercado

BRF consolida a inovação como pilar de transformação e desenvolvimento sustentável

Companhia dobrou investimentos em Inovação e P&D nos últimos dois anos e a intenção é aumentar ainda mais em 2021

A diferença entre os preços de ovos brancos e vermelhos é recorde
19 de Abril de 2021
Cotação

A diferença entre os preços de ovos brancos e vermelhos é recorde

Os valores dos dois tipos de ovos estão em alta, impulsionados pelas vendas aquecidas

Evonik faz investimento complementar na In Ovo em apoio ao lançamento da máquina para teste de  sexagem em ovos
20 de Abril de 2021
Mercado

Evonik faz investimento complementar na In Ovo em apoio ao lançamento da máquina para teste de sexagem em ovos

Startup atinge o estágio de comercialização de sua tecnologia. Determinação rápida e confiável da sexagem de embriões dentro do ovo agora é possível em escala. Tecnologia permite aos produtores de ovos evitar o descarte de pintos machos, procedimento que será proibido na Alemanha a partir de 2022

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade