Agroceres Multimix
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Ranking Estadual

Paraná tem recorde no abate de suínos e mantém liderança na produção de carne de frango

No terceiro trimestre, o Estado, que é o segundo maior produtor de carne de porco, atingiu o melhor resultado na produção desde 1997, quando iniciou a série histórica do IBGE

Redação, com informações AEN
08-Dez-2021 16:37

O Paraná bateu o recorde na produção de carne de porco no terceiro trimestre de 2021, com o maior número de animais abatidos desde 1997, início da série histórica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo maior produtor nacional, abateu  2,8 milhões de suínos entre julho e setembro, com a produção de 269,5 mil toneladas de carne.

Segundo a Pesquisa Trimestral de Abate de Animais, divulgada nesta quarta-feira (8) pelo IBGE, o Estado também mantém a liderança no abate de frango, sendo responsável por um terço da produção avícola do País. No terceiro trimestre, foram abatidas 518,3 milhões de aves e produzidas 1,2 milhão de toneladas de carne.

Apesar da redução com relação ao trimestre anterior, o abate de gado de corte no terceiro trimestre ainda foi maior que nos primeiros três meses do ano. Foram abatidas, entre junho e setembro, 299.848 cabeças. A produção estadual de carne bovina no período foi de 77,2 mil toneladas.

Além de dominar a produção avícola, o Paraná fica atrás apenas de Santa Catarina na suinocultura e está entre dez maiores produtores de carne bovina do País. “Graças ao trabalho intenso dos nossos produtores e uma cadeia sanitária de qualidade, o Paraná se consolida como o maior produtor de proteína animal do Brasil. E a tendência é avançar ainda mais, com a possibilidade de liderarmos também a produção suína nos próximos anos”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

“Conquistamos, em 2021, o reconhecimento de área livre de febre aftosa sem vacinação, o que garante o acesso a mercados mais exigentes e que pagam melhor pelo produto. Além disso, a Frimesa está construindo no Paraná o maior frigorífico de suínos da América Latina, além de outros empreendimentos no Estado que ampliam nossa participação no setor”, destaca o governador.

Para o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, a expansão é fruto de uma presença maior dos produtos paranaenses no mercado internacional. “Além da demanda externa, os frigoríficos paranaenses estão fincando bandeira no mercado internacional para a venda principalmente de carne de porco e de frango. Com isso, nossa produção, especialmente a voltada para a exportação, cresce a cada ano”, salienta.

NO ANO – No acumulado do ano, o Paraná somou mais de 8 milhões de porcos abatidos e 767,2 mil toneladas de carne produzidas, 21% da produção nacional, que chegou a 3,7 milhões de toneladas em 2021. Julho foi o melhor mês do ano na suinocultura paranaense, com o abate de 698,4 mil suínos e a produção de 91,8 mil toneladas de carne.

Na produção avícola, 1,55 bilhão de frangos foram abatidos no Estado entre janeiro e setembro. Foram 524,4 milhões de cabeças no primeiro trimestre, 514,1 milhões no segundo e 518,3 milhões no terceiro. Com isso, o Estado somou 3,6 milhões de toneladas de carne de frango no período. No País, foram abatidas, no ano, 4,6 bilhões de aves e produzidas 10,9 milhões de toneladas de carne.

No acumulado do ano, a produção atingiu 229,4 mil toneladas de carne de boi no Estado, com o abate de 899,5 mil cabeças no período. Foram 74,6 mil toneladas no primeiro trimestre, 77,5 mil toneladas no segundo e 77,2 mil toneladas no terceiro. No Brasil, a produção bovina no ano somou 5,5 milhões de toneladas, com o abate de 20,6 milhões de cabeças de gado.

Assuntos do Momento

Disponible en español Disponible en español
BRF e fundo soberano saudita investirão US$ 350 milhões na cadeia de produção de frangos da Arábia Saudita
14 de Janeiro de 2022
Investimentos

BRF e fundo soberano saudita investirão US$ 350 milhões na cadeia de produção de frangos da Arábia Saudita

Negócio atuará em toda a cadeia de produção de frangos na Arábia Saudita e promoverá venda de produtos

Menor demanda pressiona cotações da carne de frango
14 de Janeiro de 2022
Mercado interno

Menor demanda pressiona cotações da carne de frango

No front externo, a desvalorização do Real frente ao dólar e o forte incremento no volume exportado garantiram receita recorde com os embarques de carne de frango em dezembro. 

Com investimentos em alta no Oeste Paranaense, empresas expõem tecnologias em construção de galpões na AveSui
17 de Janeiro de 2022
AveSui América Latina

Com investimentos em alta no Oeste Paranaense, empresas expõem tecnologias em construção de galpões na AveSui

A região é considerada o maior agro cluster da América Latina e vem recebendo fortes investimentos de cooperativas, agroindústrias e empresas ligadas à cadeia produtiva de proteína animal

Disponible en español Disponible en español
Carne cultivada in vitro é servida em restaurante de Singapura
13 de Janeiro de 2022
Proteína cultivada

Carne cultivada in vitro é servida em restaurante de Singapura

A estimativa é que, em 2040, cerca de um terço da carne consumida no mundo seja produzida do cultivo celular

18 de Janeiro de 2022
Uruguai

Quase quinhentas mil aves foram mortas pelo calor no Uruguai

Onda de calor provocou mortandade em aviários com perdas que equivalem de 10% a 20% da produção nacional do Uruguai na avicultura

Preço dos ovos aumenta na segunda semana do mês
17 de Janeiro de 2022
Ovos

Preço dos ovos aumenta na segunda semana do mês

 Segundo pesquisadores do Cepea, a recente sustentação aos valores veio da oferta mais controlada, sobretudo de ovos maiores.

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade