Alltech AI
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Infraestrutura

Portos do Paraná abre consulta pública para áreas disponíveis a novos contratos de arrendamento

Até dia 8 de julho os interessados podem buscar informações e fazer sugestões para aprimoramento do processo

Redação, com informações AEN
25-Mai-2022 08:02

A Portos do Paraná abriu prazo de consulta pública para a licitação de novos arrendamentos de áreas no Porto de Paranaguá. Localizadas a leste, a PAR14 e a PAR15 são destinadas à movimentação e armazenagem de granéis sólidos vegetais. De quarta-feira (25) até dia 08 de julho, os interessados podem buscar informações e fazer sugestões para aprimoramento do processo.

O prazo de 45 dias, segundo o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, tem por objetivo aprimorar os projetos com o recebimento de contribuições, além de esclarecer quaisquer dúvidas. “Esse período antecede as audiências públicas que também já estão com datas pré-definidas para a primeira semana de julho, nos dias 5 e 7”, afirma.

Essas são, respectivamente, a segunda e terceira audiências públicas de áreas a serem realizadas neste ano. A primeira, no final de março, foi da área PAR09, de 24 mil metros quadrados, voltada para movimentação de granéis sólidos vegetais a oeste do Porto de Paranaguá.

“Nossa expectativa é levar a leilão, ainda neste ano, essas três áreas”, diz o diretor-presidente. Segundo ele, os novos contratos de arrendamento garantem, além da regularização contratual em si, segurança jurídica para novos investimentos.

SAIBA MAIS – As novas convocações, da PAR14 e PAR15, já estão publicadas nos diários oficiais, do Estado e da União, e no site da Portos do Paraná.

Serão consideradas pela Comissão de Licitação de Áreas Portuárias (Clap) apenas as contribuições, subsídios e sugestões enviadas até as 23h59 do dia 8 de julho. Essas devem ser feitas, exclusivamente, pelo formulário eletrônico disponível nos links da Antaq acima.

A PAR14 tem 49.841 metros quadrados e prevê investimento de cerca de R$ 1,2 bilhão. Já com a PAR15, com 38.859 metros quadrados, o investimento previsto é de R$ 656,8 milhões. Ambas são áreas consideradas "brownfield", ou seja, já ocupadas. Confira no mapa.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade