AveSui 2020
28-Out-2016 13:54
Cometário

Premissas para projetos de climatização dos incubatórios - por Geraldo Lopes Passarelli

É importante identificar e definir as variáveis do sistema de climatização que potencializam o aumento da qualidade dos pintinhos e a eficiência desejada.

As propostas devem contribuir para o aumento da segurança sanitária e melhoria dos indicadores técnicos e financeiros.

Deve ser garantido o atendimento à legislação vigente, política e valores da empresa.

Atendimento às condições meteorológicas

Necessidades não atendidas do controle da troca de gases, temperatura ou umidade relativa podem prejudicar o desenvolvimento embrionário e a eclodibilidade do lote.

O dimensionamento da carga térmica e a definição da capacidade efetiva do sistema de climatização devem considerar o atendimento de máximas e mínimas da região onde será instalado o incubatório.

,
Clima

Estabilização do processo

É recomendado desenvolver protocolo de comunicação entre o sistema de supervisão e controle de climatização das salas com o sistema de supervisão e controle das incubadoras e nascedouros.

A resposta da malha de controle do sistema de climatização das salas deve garantir o atendimento da área de controle.

,
Diagrama

Climatização das salas

Não é recomendado recircular o ar nas salas de incubação, salas de eclosão, salas de coleta, salas de sexagem e salas para armazenamento de pintinhos.

Os climatizadores devem ser tipo ar forçado, com serpentina aletada, sendo recomendado:

01-   Utilização de filtro para retenção de impurezas na captação do ar externo.

02-   Utilização de água quente para aquecimento.

03-   Utilização de água atomizada para umidificação e refrigeração.

04-   Utilização de água gelada para desumidificação e refrigeração.

05-   Utilização de água quente para ajuste da umidade relativa.

,
Dica

É recomendado instalação dos climatizadores fora das salas com distribuição do ar por dutos.

As salas de incubação devem possuir climatizadores exclusivos.

Dutos para distribuição do ar

As caixas plenuns e dutos devem possuir dimensões mínimas que permitam entrada de colaborador para higienização, devendo ser observada necessidade para classificação de espaço confinado.

Retenção de penugens

As penugens devem ser retidas nas caixas plenuns para evitar acúmulos nos dutos.

Conforto dos colaboradores

Para evitar presença de penugens nas narinas dos colaboradores, nas salas de coleta e sexagem deve ser garantido fluxo do ar tratado dos colaboradores para os pintinhos.

Deve ser considerado o (IBUTG) Índice de Bulbo Úmido Termômetro de Globo, com atenção especial nas áreas para lavagem de carros, bandejas, etc.

,
Nomograma

Conforto dos pintinhos

Em área para armazenagem de pintinhos deve ser garantido:

01-   Velocidade máxima do ar nos pintinhos de (0,25)m/s.

02-   Diferencial máximo de temperatura entre o primeiro e o último carro de (2)ºC.

Baixa concentração de (CO2) Gás Carbônico, principalmente entre os últimos carros.

Controle da pressão diferencial

Ausência do controle da pressão diferencial nas caixas plenuns de insuflamento e exaustão pode comprometer o controle da troca de gases, controle da temperatura e controle da umidade relativa nas incubadoras e nascedouros.

Deve ser controlada a pressão diferencial entre:

01-   Caixa plenum de Insuflamento do ar na sala de incubação com pressão atmosférica.

02-   Caixa plenum de exaustão do ar na sala de incubação com pressão atmosférica.

03-   Caixa plenum de Insuflamento do ar na sala de eclosão com pressão atmosférica.

04-   Caixa plenum de exaustão do ar na sala de eclosão com pressão atmosférica.

É importante observar o posicionamento e a sensibilidade necessária para o instrumento de medição e controle da pressão diferencial.

,
Dica

Sistema para geração de água gelada

É recomendado sistema de compressão a vapor (chiller) para resfriamento de água.

Para escolha do (chiller) e o fluido refrigerante é necessário considerar:

01-   Atendimento ao protocolo de Quioto

02-   Redução no investimento (R$)

03-   Redução no consumo de energia (Kwh)

04-   Atendimento pós venda na região.

05-   Disponibilidade nas horas/ano (%)

06-   Custo de manutenção (R$/ano)

07-   Limites máximos de ruído

A instalação de climatização opera 24 horas por dia exigindo atenção ao limite de ruído.

,
Limite

É recomendado individualização dos circuitos de água gelada:

01-   Circuito para climatizadores das salas com temperatura da água de (8)ºC.

02-   Circuito para incubadoras com temperatura da água de (12)ºC.

03-   Circuito para nascedouros com temperatura da água de (12)ºC.

Capacidade do sistema para geração de água gelada

Deverá ser considerada carga térmica máxima para definição da capacidade efetiva e cargas térmicas parciais para definição da quantidade e selecionamento das capacidades unitárias dos (chillers).

Conhecimento do procedimento de carregamento das incubadoras (de estágio único ou múltiplo) e levantamento dos dados da estação meteorológica mais próxima de onde será instalado o incubatório, com registro das variações de hora em hora durante o ano, aumenta a precisão no dimensionamento da carga térmica.

Calculo preciso da carga térmica (de hora em hora durante o ano) possibilita escolha correta da quantidade e capacidades unitárias dos (chillers) para melhorar o (COP) Coeficiente de Performance da instalação nas cargas térmicas parciais, eliminando necessidade de aquisição do (chiller) reserva.

(Nenhuma economia de energia elétrica é maior do que equipamento desligado) e (é pequena a probabilidade de um (chiller) apresentar problemas nas poucas horas de máximas durante o ano).

Outras informações pelo e-mail [email protected] 

 

Avicultura Industrial

Geraldo Lopes Passarelli

Geraldo Lopes Passarelli é Especialista em refrigeração e foi representante da engenharia na BRF.

Deixe seu Recado