Guia Gessulli
10-Out-2018 13:22
Cooperativa

Produtor da Copacol é destaque mundial em produção de ovos férteis

No último lote o produtor atingiu um índice de 164,94 pintainhos por matrizes, com fechamento de 66 semanas

A Cooperativa se tornou referência no setor e detém toda a cadeia produtiva, que começa nos matrizeiros de recria, com matrizes de alto potencial genético, que posteriormente são conduzidas aos matrizeiros de produção de ovos férteis, pelos produtores integrados.

Entre os vários produtores que atuam neste sistema, está o cooperado, José Clóvis Berté, que com o filho, Daniel Clóvis Berté, há mais de 13 anos trabalha com a produção de ovos férteis na propriedade da família, localizada na comunidade de Palmital, município de Nova Aurora. Além de Daniel, na granja Berté, os cuidados do dia a dia com as aves ficam a cargo de oito colaboradores, que se revezam nos trabalhos em três galpões que ao todo somam 28 mil matrizes e três mil galos.

No último lote que em média tem duração de 10 meses, o produtor foi destaque mundial com a linhagem Hubbard, ao atingir um índice de 164,94 pintainhos por matrizes, com fechamento de 66 semanas, além de atender também todos os índices de produção que se pode alcançar em um núcleo de matrizeiro de produção.

Segundo Daniel, esses bons resultados se devem a vários fatores, que se inicia na genética das aves, passa por todo um processo e critérios nos matrizeiros de recria da Cooperativa até chegar ao produtor para a produção.

“Aqui na propriedade sempre procuramos atender todas as normas estabelecidas pela Copacol. Nos últimos anos fizemos grandes investimentos em novos galpões e instalamos equipamentos de última geração, capacitamos e rotineiramente instruímos nossos colaboradores quanto aos manejos que devem ser praticados e acima de tudo somos muitos criteriosos com as questões sanitárias, pois vemos que é uma somatória de ações que devem ser praticadas no dia a dia para chegarmos aos bons resultados”, destaca Daniel.

Ele destaca também o apoio da Copacol através da equipe técnica e veterinária, que sempre acompanha o desenvolvimento das aves e repassa as orientações de como os manejos devem ser praticados, pois para Daniel os bons resultados obtidos e acima de tudo o recorde mundial é resultado de um trabalho onde cada um faz a sua parte, ou seja, é uma somatória de esforços.

“Estamos felizes e satisfeitos com essa atividade a qual a Cooperativa nos deu a oportunidade de integrarmos, mas além da oportunidade de integração, está o atendimento diário e a qualidade das matrizes que ela nos oferece, pois do contrário seria praticamente impossível, mesmo com toda a estrutura que temos, atingir esses bons índices”, enaltece o produtor, José Clóvis Berté.

Redação AI/SI
Deixe seu Recado