Basf AI
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Insumos

Programas estratégicos de abastecimento de insumos estarão em pauta no SIAVS

Debate abordará temas relacionados ao aumento da produção de cereais de inverno e programas para fortalecimento da produção de milho

Redação, com informações ABPA
20-Jul-2022 07:53

Frente às adversidades enfrentadas pelo setor produtivo com o registro de altas históricas nos custos de produção, lideranças setoriais e representantes de organizações de produtores debaterão, em uma mesa redonda, as estratégias de incentivo ao abastecimento. O debate será realizado durante o Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (SIAVS), que acontecerá entre os dias 09 e 11 de agosto, no Anhembi Parque, em São Paulo (SP).

Coordenado pelo ex-ministro e presidente do Conselho Consultivo da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Francisco Turra, o debate abordará os programas que hoje estão em vigor para incentivar a ampliação da produção nacional de milho - insumo que acumula alta superior a 100% nos últimos dois anos. 

Ao mesmo tempo, o painel também tratará do programa que reuniu setor público e lideranças de organizações de produtores do Sul do País para incentivar a produção de cereais de inverno.  

Participarão do debate o chefe-geral da Embrapa Trigo, Jorge Lemainski, o presidente da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (FARSUL), Gedeão Silveira Pereira, o diretor-executivo da Federação das Cooperativas Agropecuárias do Estado do Rio Grande do Sul (FECOAGRO), Sérgio Feltraco, e Arene Trevisan, coordenador do Grupo de Trabalho sobre Milho da ABPA. 

“A avicultura e a suinocultura do Brasil têm enfrentado desafios severos para a manutenção da competitividade em meio à elevação dos custos de produção.  Neste quadro, os cereais de inverno já se mostraram como uma importante alternativa ao milho. A demanda por estes insumos está aquecida. O Brasil ainda é importador de trigo e cevada, mas temos já lançado o desafio de, em cinco anos, transformar o país em autossuficiente e, até mesmo, exportador. Esta estratégia é que estará em debate”, avalia Turra.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade