AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Apoio

Reino Unido reduz a zero tarifas de alimentos importados da Ucrânia, incluindo aves

Todas as cotas serão removidas sob o acordo de livre comércio, fornecendo apoio econômico à Ucrânia em seu momento de necessidade.

Redação com informações de Governo no Reino Unido
13-Mai-2022 08:59

O Reino Unido anunciou hoje novas medidas para apoiar a Ucrânia em seu conflito com a Rússia, removendo todas as tarifas cobertas pelo acordo comercial existente entre Reino Unido e Ucrânia e atingindo o governo Putin com novas sanções.

Todas as tarifas sobre mercadorias importadas da Ucrânia agora serão reduzidas a zero e todas as cotas serão removidas sob o acordo de livre comércio, fornecendo apoio econômico à Ucrânia em seu momento de necessidade. O primeiro-ministro prometeu cortar tarifas para apoiar a economia da Ucrânia durante esta crise quando visitou Kiev no início deste mês.

A secretária de Comércio Internacional, Anne-Marie Trevelyan, encontrou-se com o embaixador ucraniano no Reino Unido Sua Excelência Vadym Prystaiko em Londres na semana passada para reiterar o apoio inabalável do Reino Unido à Ucrânia e estabelecer as novas medidas.

O anúncio de hoje vem após um pedido direto do governo do presidente Zelenskyy para liberalizar as tarifas e apoiar a economia ucraniana. A remoção de tarifas sobre as principais exportações ucranianas, incluindo cevada, mel, tomate enlatado e aves, ajudará empresas e produtores ucranianos quando mais precisarem.

A Secretária de Comércio Internacional Anne-Marie Trevelyan disse:

O Reino Unido continuará a fazer tudo o que estiver ao seu alcance para apoiar a luta da Ucrânia contra a invasão brutal e não provocada de Putin e ajudar a garantir a segurança e a prosperidade a longo prazo da Ucrânia e do seu povo.

Estamos inabaláveis ??com a Ucrânia nesta luta contínua e trabalharemos para garantir que a Ucrânia sobreviva e prospere como uma nação livre e soberana.

Além disso, o Reino Unido também anunciou uma proibição de exportação de produtos e tecnologia que a Rússia poderia usar para reprimir o povo heróico da Ucrânia. Os produtos visados ??podem incluir equipamentos de interceptação e monitoramento. Isso fechará quaisquer brechas existentes para garantir que a Rússia não compre esses produtos do Reino Unido.

Na semana passada, o Reino Unido também anunciou que estava reforçando suas atuais sanções tarifárias contra a Rússia, aumentando a lista de produtos que enfrentam proibições de importação e tarifas aumentadas, incluindo a aplicação de novas proibições de importação a produtos de prata e madeira e aumentando as tarifas em 35 pontos percentuais sobre produtos como diamantes e borracha.

O Reino Unido liderou o esforço de sanções comerciais internacionais, já proibindo a importação de produtos de ferro e aço, bem como a exportação de tecnologias quânticas, materiais avançados e bens de luxo e cortando qualquer novo apoio do UK Export Finance (UKEF) para a Rússia e a Bielorrússia.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade