AveSui 2020
03-Fev-2020 10:20 - Atualizado em 03/02/2020 12:33
Insumos

Soja continua em queda e alta do milho perde força na última semana

Proximidade das colheitas e demanda interna influenciam no movimento

De acordo com os dados divulgados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea),  a soja continua em queda e alta do milho perdeu força na última semana. Segundo pesquisas do Cepea, os preços de soja e derivados estão em queda no mercado brasileiro, devido à baixa na CME Group (Bolsa de Chicago), à menor demanda doméstica e ao menor ritmo de embarques do Brasil.

Além disso, o avanço da colheita da oleaginosa no País tem deixado compradores consultados pelo Cepea reticentes nas aquisições, à espera de preços menores nos próximos dias. Há também menor necessidade de compra das indústrias, uma vez que grande parte está recebendo lotes de contratos efetivados ainda em 2019.

Entre 24 e 31 de janeiro, os Indicadores ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) e CEPEA/ESALQ Paraná cederam 0,7% e 2%, respectivamente, fechando a R$ 85,33 e a R$ 80,36/sc de 60 kg na sexta-feira, 31.

Já o movimento de alta nos preços do milho se enfraqueceu nos últimos dias, de acordo com pesquisadores do Cepea. De modo geral, compradores têm demonstrado menor interesse em comercializar grandes lotes e aguardam o avanço da colheita da primeira safra para efetivar novas negociações.

 Nos últimos dias, prevaleceu a intenção de vendedores em negociar, impulsionados pelos patamares de preços no mercado interno e/ou pela necessidade de liberar espaço nos armazéns para a chegada da safra de soja.

Por outro lado, agentes consultados pelo Cepea já se atentam aos fretes, pois, com o avanço da colheita da oleaginosa, a oferta de frete para o milho deve diminuir. Na região de Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa recuou 0,5% de 24 a 31 de janeiro, fechando a R$ 51,16/sc de 60 kg na sexta-feira, 31.

Quer acompanhar o que acontece na avicultura e na suinocultura?

Siga-nos no Facebook:

https://www,facebook.com/aviculturaindustrial

https://www.facebook.com/suinoculturaindustrial

Acompanhe nosso Linkedin:

https://www.linkedin.com/company/gessulliagribusiness

Precisa de algum serviço ou produto?

Pesquise no Guia Gessulli:

https://www.guiagessulli.com.br/

 

 

 

 

Redação AI/SI
Deixe seu Recado