Guia Gessulli
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Sustentabilidade

Supermercado britânico vai oferecer 100% de seus ovos neutros em carbono até 2022

No Reino Unido, a rede de supermercados Morrisons se comprometeu a ser o primeiro supermercado a vender apenas ovos com carbono zero líquido até 2022.

Redação
12-Mar-2021 08:16

Uma das tendências que veio para ficar  é a conscientização do consumidor quanto ao cuidado com o meio ambiente e, principalmente, da “pegada de carbono” que nossas ações e compras deixam no planeta: a quantidade de emissões de GEE (gases efeito estufa) que são emitidas para o a atmosfera direta ou indiretamente durante a produção de um alimento e / ou o ciclo de vida de um produto, serviço ou organização em toneladas equivalentes de CO2.

No Reino Unido, a rede de supermercados Morrisons se comprometeu a ser o primeiro supermercado a vender apenas ovos com carbono zero líquido até 2022.

O ovo seria o primeiro alimento que eles venderiam com a garantia de emissão zero de carbono, tudo dentro de um plano mais amplo que pretende se abastecer apenas de fazendas britânicas de carbono "líquido zero" até 2030.

Morrisons anunciou em março de 2021 que neste mês começará a trabalhar com uma seleção de avicultores e fazendeiros para criar "modelos" líquidos de fazendas com emissão zero de carbono . Junto com os avicultores, eles examinarão o panorama das emissões ao longo do ciclo de vida dos produtos agrícolas, desde a germinação até quando um comprador os adquire e em um de seus supermercados. Uma vez que um plano viável seja estabelecido, os modelos serão compartilhados com todos os criadores de aves fornecedores da Morrisons, para que toda a ração possa ser produzida dessa maneira de carbono zero líquido.

Eles também buscarão compensar as emissões de carbono por meio de: plantio de pastagens e trevos; restaurar turfeiras, melhorar a saúde do solo; plantar árvores; e, plantação de sebes.

David Potts, CEO da Morrisons, disse: “ A mudança climática é um dos maiores desafios para nossa geração e o cultivo de alimentos é um contribuinte chave para as emissões de gases de efeito estufa. Em nossa posição como a principal rede de supermercados britânica, estamos em uma posição única para orientar as fazendas britânicas e ajudar a liderar mudanças nas práticas ambientais. Temos consciência de que estamos anos à frente das expectativas da indústria e desse ambicioso objetivo, mas é nosso dever fazê-lo ».

O secretário do Meio Ambiente, George Eustice, disse: “O Reino Unido é a primeira grande economia a legislar para emissões líquidas zero até 2050. Nossos agricultores desempenharão um papel fundamental para alcançar isso. É encorajador ver Morrisons se comprometer a ser abastecido por fazendas de carbono zero no Reino Unido em uma escala de tempo tão ambiciosa, ajudando a proteger o meio ambiente para as gerações futuras. '

Minette Batters, presidente da National Farmers Union disse: 'A agricultura britânica tem um papel fundamental a desempenhar em conduzir a nação para o zero líquido. Nossa contribuição abrange três pilares de ação: redução de emissões, armazenamento de carbono em terras agrícolas e energias renováveis ??e bioeconomia. Nossos membros já estão desempenhando seu papel para ajudar a alcançar a ambição da NFU de alcançar a agricultura líquida zero até 2040 e querem f

Assuntos do Momento

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade