Alltech
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Internacional

Togo abate aves após o surto de influenza aviária H5N1

País colocou em quarentena granja avícola, fechou um mercado local de aves e proibiu a movimentação de aves após surto da doença 

Redação com informações de Reuters
01-Jul-2021 09:12

O Togo abateu centenas de aves, colocou em quarentena uma granja avícola, fechou um mercado local de aves e proibiu a movimentação de aves após um surto da gripe aviária H5N1 altamente patogênica, disse o governo na terça-feira.

Mais de 800 aves foram abatidas, disse Batasse Batawui, diretor de pecuária do Ministério da Agricultura do Togo..

O governo disse em um comunicado que as aves foram incineradas e os ovos destruídos para impedir a propagação.

Ele acrescentou que a granja, cerca de 15 km (9,3 milhas) ao norte da capital, Lomé, foi colocada em quarentena, e o mercado local de aves e rações fechou por 30 dias.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade