Guia Gessulli
AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Avícola Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Ovos Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
TvGessulli

Você sabe as diferenças de uma produção de frango caipira?

A TV Gessulli esteve em uma das integrações da Korin, no interior de São Paulo, para ver como é feita a produção dessas aves 

Redação AI
03-Abr-2019 10:47 - Atualizado em 08/04/2019 09:02

O frango caipira é um dos mais apreciados pratos da culinária brasileira. A tradição de reunir a família e comer a comida feita pelas avós foi se perdendo nos últimos anos. No entanto, a indústria avícola não deixou o caipira de lado e o frango está voltando à mesa dos brasileiros. Em 2015, foram publicadas normas pela ABNT para a produção de frango caipira: as linhagens permitidas, a nutrição, o manejo, etc. A partir de então, a produção e o consumo da carne têm crescido no país.

Mas, afinal, o que diferencia a produção de frango caipira das demais formas de criação? A TV Gessulli esteve em uma das integrações da Korin, em Pirassununga, interior de São Paulo, para ver como é feita a produção dessas aves caipiras. O supervisor de integração da empresa, Márcio Ganzella, acompanhou a reportagem e falou sobre a produção de frangos caipiras.

AveSui2021_dentro

O local tinha quase 17 mil frangos caipiras com quase 70 dias de vida. Esse é o tempo ideal para as aves seguirem para o abate, com aproximadamente 2,5 quilos.

A reportagem completa sobre o mercado e a produção de frango caipira no Brasil estará na próxima edição da revista Avicultura Industrial.

Assuntos do Momento

Fornecimento de ovos diminui na Polônia com crise da influenza aviária na UE
24 de Fevereiro de 2021
Europa

Fornecimento de ovos diminui na Polônia com crise da influenza aviária na UE

Cerca de 5 milhões de aves já foram abatidas na Polônia, o maior produtor de aves da União Europeia, mostraram os dados da inspetoria veterinária local.

Cobb destaca importância dos ângulos de viragem para melhor eclodibilidade e qualidade do pintinho
25 de Fevereiro de 2021
Dicas Técnicas

Cobb destaca importância dos ângulos de viragem para melhor eclodibilidade e qualidade do pintinho

Por Scott Jordan, especialista em Incubação e Serviços Técnicos da Cobb-Vantress

AveSui2021_dentro
Katayama Alimentos investirá  R$ 15 milhões em 2021
26 de Fevereiro de 2021
Economia

Katayama Alimentos investirá R$ 15 milhões em 2021

A indústria avícola teve incremento de 40% em seu faturamento de 2020 e anuncia para este ano um aumento do plantel de aves e aposta nas exportações para Ásia e Oriente Médio

VBP do agro atinge R$ 1 tri em 2021; avicultura crescerá 22,5%
24 de Fevereiro de 2021
Crescimento

VBP do agro atinge R$ 1 tri em 2021; avicultura crescerá 22,5%

A estimativa do Ministério da Agricultura indica que o Valor Bruto da Produção na pecuária crescerá 5,1% neste ano, puxado por setores como frango, carne bovina e leite

Preço médio dos ovos em fevereiro é o maior da série
01 de Março de 2021
Ovos

Preço médio dos ovos em fevereiro é o maior da série

As cotações elevadas estão atreladas à menor oferta, principalmente de ovos maiores, uma vez que o setor intensificou os descartes das poedeiras mais velhas.

Avicultura de MT renova seguro contra influenza aviária e doença de newcastle
26 de Fevereiro de 2021
Sanidade

Avicultura de MT renova seguro contra influenza aviária e doença de newcastle

Ao todo 300 milhões de aves para corte e 10,5 milhões de aves de postura foram asseguradas contra eventuais ocorrências das duas doenças

Mais assuntos do momento